agosto 22, 2004

RECEITA DE CARIL. A Diotima («...aus Lissabon...») provoca-nos com a sua receita de caril:
«Está na altura de afogar as gambinhas naquele repasto - ah, e era vê-las deliciadas de se afogarem naquele mar das índias, as putinhas saborosas. Coloca-se o sal, esse condimento que alegra as veias, e deixa-se estar. As gambinhas atingem o seu pico sexual aos 15 minutos. [...] Como tudo tem o seu tempo, como na vida, eu fumo um cigarro e encho o copo antes de preparar a faca que tirará a vida a um molho viçoso de coentros. Estes servirão de gargantilha para o meu caril.»

1 Comments:

At 1:52 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Very nice site! » » »

 

Enviar um comentário

<< Home