junho 27, 2005

Exames.

Verifico agora, lentamente, que governo, pedagogos, muitos professores, muitos bloggers, muita gente, afinal defende os exames do 9.º ano. Se daqui a uns anos se verificar a quase unanimidade na sua defesa, eu pedirei indemnização pelos insultos que tive de escutar, ler e aturar de cada vez que defendi a sua existência e necessidade. E mais: imagino, um dia destes, a Dra. Ana Benavente a concordar com a existência destes exames. É o descalabro.