julho 05, 2005

O país sem fim. Coisas boas.

Mart'nália no Porto, brilhante, cheia de riso. O pai Martinho da Vila em Lisboa e no Porto. Neva na serra, de Gramado a Cambará. O Ulisses está na lista dos mais vendidos, na nova tradução de Bernardina Pinheiro (e Paulo Coelho desceu no top -- é a minha vingança depois de ter ocupado parte dos últimos dez dias a ler o homem). Peço-lhes o favor de descobrirem, na música, os nomes de Vítor Ramil, de Adriana Maciel, de Nei Lisboa e de Claudio Levitan.

3 Comments:

At 11:09 da manhã, Blogger Carlos Azevedo said...

Acrescento dois nomes pouco divulgados em Portugal, mas com discos no nosso mercado: Mônica Salmaso e Ná Ozzetti. Música de alto calibre.

 
At 11:16 da manhã, Blogger Carlos Azevedo said...

No comentário anterior esqueci uma menina que vi e ouvi ao vivo no passado Sábado: Roberta Sá. O seu disco de estreia, "Braseiro", é uma delícia!

 
At 12:10 da tarde, Blogger larissa bueno ambrosini said...

adoro vitor. ha quinze anos. e ele é sempre melhor...

 

Enviar um comentário

<< Home